Reconheça os sinais de dependência química em você mesmo

Dependente químico é aquele que vive nas ruas, largado, que rouba e até mata para sustentar a compulsão por drogas, certo? Não é bem assim. Há muitas pessoas que têm problemas com drogas, incluindo o álcool, e que não são assim. Porém, por não preencherem esses ‘requisitos esperados’, acreditam que não estejam doentes, mesmo que sinais provem o contrário. É o seu caso? Tem dúvida? Pois, então, avalie sua relação com as drogas respondendo com sinceridade o questionário abaixo e veja se há sinais de dependência química:

•     Alguma vez você já sentiu que deveria reduzir o consumo de drogas?

•     Uma ou mais pessoas já criticaram o seu uso de drogas e isso deixou você irritado?

•     Você já se sentiu mal ou culpado pelo seu comportamento devido às drogas?

•     Você já teve que beber ou usar alguma droga pela manhã para acalmar os ânimos ou para se livrar de uma ressaca?

•     Você consome mais álcool ou drogas do que planeja?

•     Você já tentou parar de usar mais de uma vez?

•     Você gasta muito tempo e dinheiro para encontrar e comprar drogas e álcool?

•     Você sente forte desejo para usar drogas ou álcool?

•     Você percebe que há problemas no trabalho, em casa, com as finanças ou com a lei devido o uso?

•     Seus relacionamentos familiares e afetivos estão desgastados?

•     Você precisa de mais drogas ou álcool para sentir o mesmo efeito de antes?

•     Você sente sintomas de abstinência quando não está usando drogas?

Se você respondeu “sim” para duas perguntas ou mais é hora de procurar ajuda para reabilitar-se. Mas não se assuste, pois as chances de recuperação são enormes. E ninguém precisa saber que você é um dependente químico. É isso mesmo: na Clínica Viva há tratamento sem internação, totalmente sigiloso e discreto. É o Personal Care.

Não espere! Entre em contato ainda hoje e volte a ter uma vida normal. Acesse: tratamento para dependência química sem internação.

Guia Informativo - Drogas: Escolha ou Doença

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *