Anorexia, bulimia e vigorexia são temas do programa Males da Alma

“Tenho consciência de que como pouco e mesmo assim estou assim, acho que se eu comer como uma pessoa normal, como uma amiga minha, vou ficar muito gorda. Aí eu não vou suportar, já é difícil suportar este corpo.” Este é o relato da comerciante Renata Rossi, 50 kg, para o quadro “Males da Alma” (Fantástico), apresentado pelo doutor Drauzio Varella no último domingo (17).

Renata sofre de anorexia, um transtorno alimentar que faz com que a pessoa tenha uma autoimagem distorcida, levando ela a acreditar que está gorda e, por isso, não pode comer. Esta doença tem a taxa de mortalidade entre 15% e 20%. O penúltimo episódio do “Males da Alma” também falou sobre bulimia (quando uma compulsão leva uma pessoa ingerir grande quantidade de comida e depois provocar vômito) e sobre vigorexia (dedicação excessiva aos exercícios físicos com medo de perder a massa muscular).

Antes de sofrer de anorexia, Renata sofria de bulimia. Foi nessa hora q ela começou a ter acompanhamento médico. “Comecei o tratamento devido meus pais, não foi por livre vontade. Aí parei de ter as compulsões, parei de provocar vômito, mas parei de comer também”, revela.

Já a recepcionista Vivian Barbieri tem medo de emagrecer e ficar fraca, sem músculos definidos. Esta doença se chama vigorexia e afeta homens e mulheres. “Eu tinha medo de engordar e agora, se eu subir na balança e ver que perdi peso, eu fico deprimida”, disse. Ela faz tratamento com psiquiatra e iniciará psicoterapia.

“O que a gente vê no espelho não é apenas um efeito ótico. Na verdade, o que a gente vê no espelho é o que a gente imagina que os outros veem quando eles olham para nós. Aquilo pode ser muito diferente daquilo que realmente aparece”, afirmou o psicanalista Contardo Calligaris em entrevista ao programa.

O tratamento mais adequado para aqueles que sofrem de transtornos ligados à autoimagem é através da psicoterapia, pois, assim, é possível mudar os hábitos e descobrir formas de aceitação do corpo. Medicamentos para controlar a ansiedade e a compulsão também são utilizados para auxiliar no tratamento.

Quem sofre ou conhece alguém com transtornos de autoimagem deve procurar ajuda profissional.  A Clínica Terapêutica Viva disponibiliza tratamento para Anorexia e Bulimia Nervosa em sua rede de clínicas ambulatoriais, conheça mais sobre o Personal Care.

E você? Qual sua relação com o espelho? Já deixou de fazer alguma coisa por não estar satisfeito com o corpo? Deixe sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *