O papel da família na relação com o dependente químico

Na obra Contrato Social, Jean Jacques Rousseau afirma que a família é a primeira e mais antiga organização a que o indivíduo pertence. E por isso, os elos mais fortes são entre os membros familiares. Assim, uma doença que acomete a uma das pessoas do núcleo familiar pode mexer com a estrutura de todos eles.

A dependência química pode se encaixar perfeitamente neste caso. É por isso que muitas vezes surgem dúvidas sobre como proceder quando se descobre o uso de drogas por alguém

O jornal O Regional publicou uma entrevista com uma psicóloga que aborda a questão família x dependência química, ressaltando aspectos importantes para a reabilitação do paciente e a estruturação familiar.

Confira trechos da entrevista publicada no jornal O Regional.

Quer ficar sempre atualizado? Siga-nos!  @ctviva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *