A Verdade que Liberta das Drogas

O consumo de drogas pela humanidade remonta desde a origem do homem.

A droga é um alucinógeno que excita o sistema nervoso e proporciona sensações agradáveis a mente. Há uma busca pelo bem estar, uma fuga da realidade, um suicídio inconsciente.

A dependência química é uma doença, porém a Seicho-No-Ie afirma que a doença não existe, ou seja, tudo que existe foi criado por Deus, e tudo que foi criado por Deus é bom e perfeito. Se há manifestação de doença, há algo de errado com os seus pensamentos, que projetam sombras ao invés de luz.

O homem, Filho de Deus, não necessita de substâncias inebriantes para se sentir feliz. O homem que acredita ser uma criatura material, surgida do pecado, busca a alegria artificialmente, por um caminho que leva a destruição do seu corpo e a infelicidade de sua família.

As pessoas consomem drogas para aliviar uma dor interna. A mente carregada de tristezas se auto pune a cada pensamento triste, o consumo da droga anestesia a dor temporariamente.

A felicidade ensinada na Seicho-No-Ie não se encontra fora do homem, mas dentro dele, é preciso despertar para o amor, que cura todas as enfermidades.

É preciso despertar a consciência para sua natureza divina, e passar a viver os atributos divinos que são sabedoria, amor, alegria, harmonia, prosperidade, etc.

A leitura dos livros da Verdade da Vida, a prática da meditação e atos de amor ao próximo promovem grandes transformações na vida humana, aqueles que buscam se libertar do vício pratiquem esta orientação. Aqueles que querem ajudar alguém a se libertar do vício, é importante orientar o familiar mais próximo a amá-lo profundamente, não mais criticá-lo, é preciso reconhecê-lo como Filho de Deus.

A droga não pode ser classificada como boa ou ruim em si. Uma pessoa pode ser anestesiada para um procedimento cirúrgico, graças as drogas, e os medicamentos podem ser ministrados para a recuperação da saúde. Enquanto pessoas podem consumir drogas desenfreadamente, na busca alucinante pelo prazer, mas destruindo sua vida e de seus familiares.

A Seicho-No-Ie nos ensina que o consumo de drogas está relacionado a uma carência afetiva, é preciso manifestar amor, e eliminar os sentimentos de desarmonia.

É preciso viver o amor e manifestá-lo no dia-a-dia para despertar a consciência da sua essência divina. Crie um diário de elogios, há inúmeros fatos a serem registrados que são dádivas de Deus.

O encontro com a felicidade seguramente se encontra em reconhecer a ti como Filho de Deus. Deus te deu a dádiva da vida, desperte para esta realidade, olhe para você e visualize o milagre da vida que é você.

Você nasceu para uma missão especial, descubra o prazer de viver livre das drogas, você é único no universo, e somente você poderá abrir a porta da felicidade.

A chave para a alegria se encontra dentro de ti, você poderá acessá-la.

Eu posso apontar o caminho, mas quem deverá trilhar é você.

Jeferson Ricardo Gomes